IPEM História da Metrologia

A primeira menção referente a metrologia no Brasil, data do ano de 1532, onde o Almotacé fiscalizava o funcionamento dos mercados locais, pesos e medidas da Colônia.

O imperador D. Pedro I deu os primeiros passos para a equiparação entre os sistemas de medição, através do regulamento publicado em abril de 1832.

D. Pedro II foi o grande incentivador para que mudássemos nosso sistema métrico. Em 26 de julho de 1862, todo o sistema de pesos e medidas do Império foi substituído pelo sistema métrico francês.

A Revolta

A Revolta do Quebra-Quilos consistia na resistência frente às mudanças do padrão de medidas, já que grande parte da população desconhecia a nova unidade métrica decimal e com isso tinha medo de ser ludibriada e acabar com a cobrança de tributos sobre o solo. A revolta perdurou até 1882, quando o Brasil finalmente conseguiu adotar o sistema métrico francês como padrão.

Em 1956 surge o Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Rio de Janeiro (IPEM-RJ), ainda no antigo Estado da Guanabara.

Em 1962 o Brasil adota oficialmente o Sistema Internacional de Unidades (SI).